quinta-feira, 2 de junho de 2011

Rainha do mar

A brisa que vem do mar na forma de vento na areia, traz os fluidos da mãe d’agua para bater no coração de seus filhos. O amor que vem de lá é mais forte que qualquer tristeza, saiba viver em você do jeito que pede a sereia.
Seu canto, doce canto, chega de mansinho e envolve, traz a paz que conforta e clareia. Agir com clareza é primordial para seguir em busca das conquistas, por isso escutar a sereia… Doce Iemanjá, que traz amor e paixão, que cura toda dor, nos envolve em seu calor, sim… É quente o abraço das águas que bate na alma, a onda que quebra no coração sem despedaçar, que recompõe, só ela tem tanto amor.
Da imensidão azul de seu reino, ela vem até nós… Da pequenina parte da obra Divina que sou, eu vou até ela. Que sua luz gere mais amor entre os homens, que os homens gerem a paz que ela quer, paz esta que ela nos traz e nos basta sentir.
Odoyá Iemanjá, ela é a rainha do mar.

2 comentários:

  1. Também gostei!! O elemento água e seus elementais são o amor que "lava o mundo". A ternura pela água que cura, seja doce, seja salgada...

    Abraços e sorrisos

    ResponderExcluir