quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Cartomancia

Para falar sobre cartomancia, é preciso compreender a palavra e, para tanto, vamos dividi-la em carto + mancia. De cara sabemos que "carto" vem das cartas, mas... E mancia?

Pois vamos lá! Mancia = elemento na formação de palavras com idéia de adivinhação. Sendo assim, a cartomancia nada mais é do que uma arte divinatória com a utilização de cartas, uma técnica que exige estudo para compreensão do significado de cada uma das 52 cartas que compõem um baralho comum. A seguir, algumas outras técnicas que são também mancias, apenas para maior ilustração do tema:

quiromancia - leitura das linhas da palma da mão
rabdomancia - adivinhação com o auxílio de varinha, atualmente conhecida como radiestesia, sendo a "varinha" hoje vista como o dual rod, que é apenas um dos instrumentos radiestésicos; 
cristalomancia - arte divinatória que utiliza cristais;
cafeomancia - adivinhação pela borra do café;

Claro que há tantas outras técnicas, mas as que foram aqui comentadas bastam para o que se pretende para o momento. A cartomancia é muito interessante e é uma minoria das pessoas que possui o conhecimento sobre o poder de um baralho em captar nossas energias e mostrar o melhor caminho. Diz-se que a(o) cartomante é alguém que trabalha na base das previsões e a(o) taróloga(o) compreende através de seu jogo toda a energia do consulente e o orienta da melhor maneira possível. No sentido literal da palavra, essa é a verdade. No entanto, com o conhecimento do tarot, é possível atuar da mesma forma com o baralho comum, guardadas as proporções já que este possui 52 cartas e o tarot, 78 e é dividido em arcanos maiores e menores.

Para quem duvida da força que possui um baralho comum, aí vão alguns pontos a se pensar: são 52 cartas e são 52 semanas em um ano; o total de cartas pode ser reduzido numerologicamente em 5 + 2 = 7, e são 7 dias na semana; são 4 naipes e há 4 estações no ano, assim como 4 elementos naturais (água, fogo, terra e ar); há 12 cartas com figuras (a realeza) e há 12 meses no ano e 12 signos zodiacais e, por fim, há 13 cartas em cada naipe e há 13 lunações (ciclos completos lunares) no ano. Bem interessante, não é mesmo?

Pois então, Vamos às cartas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário