quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Beltane - Os amantes se enlaçam


Beltane ocorre no pico da primavera, sendo o momento do ano no qual a Terra é aquecida pelo abraço do sol, deixando o inverno definitivamente para trás. Este festival pagão é celebrado em 31 de outubro no hemisfério sul e em 1 de maio no hemisfério norte.

O sol está se aproximando de seu apogeu e seu calor tem papel primordial na fertilização da natureza. A Deusa e o Deus estão em plena vitalidade e amam-se intensamente, proporcionando o significado da fertilidade e das futuras colheitas.

A palavra Beltane traz em sua raiz a ideia do "Fogo de Bel". Bel é uma divindade céltica associada aos atributos de senhor da vida, da morte e do mundo dos espíritos. Beltane é o tempo de celebrar a vida em todas as suas formas!

Texto inspirado em "Wicca - A Religião da Deusa", Claudiney Prieto

Escola Virtual Lunação: https://cursos.lunacao.com/publico/

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

O Fogo e a Espiritualidade


O fogo é considerado como elemento dos mais importantes nas tradições espirituais, religiões diversas e no esoterismo. Elevado ao status de divindade por muitos povos, o fogo representa as transformações da natureza, sua criação e destruição.

O poder consumidor do fogo faz com que este elemnto seja temido por alguns, como nas representações iconográficas cristãs do inferno. Porém, por sua qualidade de transmutador, foi considerado sagrado em muitas culturas.

O aspecto destrutivo manifestado pelo fogo é passageiro, pois a destruição de algo representa a abertura de espaço para o novo poder brotar, para um nascimento em novas condições. O aspecto purificador e regenerador do fogo é comum em várias tradições.

Na Roma antiga, os sacerdotes tinham por missão manter uma chama sempre acesa em seus templos de adoração. Caso o fogo se apagasse por alguma razão, a ausência da chama era interpretada como mau presságio, sinal de maldição, degradação moral ou encerramento de um ciclo.

O fogo também carrega o sentido da transformação íntima, com o desenvolvimento espiritual que transmuta a consciência rumo à iluminação. O fogo interior brilha proporcionalmente à ascensão do discípulo e sua progressiva espiritualização.

No Velho Testamento, este elemento é apresentado como sendo a própria essência original de toda a vida.

Estudo de Magia das Velas: http://www.lunacao.com/p/magia-das-velas.html

sábado, 12 de outubro de 2019

Lua Crescente em Áries


Neste vídeo faço uma interpretação da energia que podemos considerar com a lua crescente transitando pelo signo de áries. Adicionalmente, há uma mensagem do baralho cigano. Clique no play e assista!

Curso de Baralho Cigano: http://www.lunacao.com/p/curso-de-baralho-cigano.html


terça-feira, 1 de outubro de 2019

O que passou, de fato passou?


Falar de passado e de amor perdido sempre mexe com os ânimos, certo? Pois é exatamente do que temos para falar diante da carta acima, a qual pertence ao baralho de Maria Padilha. Temos a seguinte pergunta: será que aquilo que passou não pode voltar? Tanto pode como às vezes volta mesmo, tanto o desejável quanto o indesejável (vale esclarecer!).

Esta carta das luvas fala sobre as situações que já vivemos e que ressurgem, pessoas com quem já convivemos e que podem reaparecer em nosso caminho, proporcionando algum significado que deve ser observado.

Situações pressagiadas por esta carta são oportunidades para verificarmos se algo está mesmo perdido ou se houve apenas falta de sintonia e nova oportunidade. A carta fala ainda sobre o que pode estar mal resolvido internamente e que ressurge justamente para que possa ser tratado. Pode ser ainda aquela poeira que jogamos para baixo do tapete e que foi novamente agitada no ar exigindo atenção.

Eis também a oportunidade de enxergar melhor o que de fato passou. Sim, algumas coisas podem voltar e outras não. Interprete os sinais da vida para diferenciar mais claramente o que há para ser resgatado do que deve ser deixado em seu devido lugar.

Escola Virtual: https://cursos.lunacao.com/publico/