sábado, 21 de dezembro de 2019

Larvas Astrais


As larvas astrais são descritas como seres de aspecto bastante desagradável, com cores que lembram o vermelho sangue e o verde musgo. Apesar de não serem visíveis no mundo físico, existem de tal forma que os seus efeitos são desastrosos. Além das consequências emocionais, podem chegar a interferir na condição física de quem sofre com elas. Falta de energia, dores constantes, problemas nos rins e costas são alguns dos prejuízos que podem causar à nossa saúde.

Mas você deve estar se perguntando: de onde saem essas larvas astrais? Elas são atraídas por vibrações baixas, o que não quer dizer sentimentos maldosos apenas. Pessoas que estão emocionalmente debilitadas, que passam por momentos difíceis e mesmo as que enfrentam alguma doença no momento são as mais suscetíveis. No entanto, podem ainda ser enviadas por alguém ou fruto de resquícios de magia negativa. Basicamente, essas larvas surgem de tudo aquilo que não é bom ou saudável, seja física ou espiritualmente.

Por mais que as larvas astrais causem distúrbios à nossa vida, essas consequências não são intencionais. Esses seres estão perdidos entre as dimensões e não encontram uma forma de subexistirem a menos que se alimentem assim. O que podemos fazer é auxiliá-los a encontrarem o seu caminho. Devemos perdoá-las e, por mais difícil que isso pareça, usar amor e compaixão para com elas.

Limpezas energéticas e outros procedimentos externos podem ajudar, mas essa nunca será uma solução definitiva. As larvas astrais precisam ser reencaminhadas, conduzidas aos seus locais de origem e a única forma de fazer isso é através do amor, conversando com esses seres, pedindo a intervenção de Miguel Arcanjo. Lembre-se ainda de orar e meditar, pois é muito importante fortalecer o seu interior durante esse período.

Estudos de Espiritualidade: http://www.lunacao.com/p/espiritualidade.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário